PLASTICKY


London Fashion Week :: S/S 2009 :: Parte 2
18 de setembro de 2008, 5:39 PM
Filed under: All Posts | Tags: , , , ,

Correndo bastante, e postando bem rápido! Hoje temos Aquascutum, Emma Cook, Luella e Christopher Kane!

Numa paleta de cores que se transfere especialmente para o azul, Michael Hers e Graeme Fidler usaram a cor (que é hit pro nosso verão) de forma até meio séria. No ínicio, o único momento não-azul da coleção, o branco foi usado no look inteiro em peças leves como pantalonas e batas acinturadas (01) ou vestidinhos com detalhes balonê (03). Logo depois o azul aparece num meio termo como no vestido usado com cinto branco (04). Na minha opinião o melhor momento foi das peças azul-escuro com bordados e detalhes florais em tom mais claro (05 e 06).

Um verão leve, mesmo que com peças sérias. Essa foi a proposta da Aquascutum e é agradável quando estamos falando de peças úteis. O Bom momento (05 e 06) ainda se prolonga por mais um vestido com capa transparente azul-escura com o tecido bordado por baixo (07), na minha opinião o melhor look da coleção. O azul-escuro continha, dessa vez sosinho em Chemises e Trenchs (08 e 09). E por último um toque de azul royal mais vivo nas últimas entradas com Aline Weber linda num vestido com babados verticais (10). O estampado leve e fluído de Jessica Stam fecha o desfile que tem um bom saldo de boas peças.

======= :: =======

Mesmo que o sapatinho pareça uma “nova versão” dos sapatos da Prada da coleção de Inverno, Emma Cook fez boas peças. Gostei bastante da série de neutros em tom bege envelhecido, ela brincou com estampas e transparências plásticas nessas peças, dando um ar moderninho. Além dos babados que foram introduzidos nas peças de ótimo jeito, como na saia (02) que os tem na barra superior, fazendo uma junção com o top estampado. As estampas também são bem surrealistas (e também me lembrou as da Prada, mas, não ficou óbvio como os sapatos). O vestido com babados na barra (03) é uma peça pra comprar já. Também gosto do que tem mangas lisas, saia estampada (05) e babadinhos transparentes.

Daí entram o preto com tops e saias metalizadas (07) além do vestido com babados sobrepostos e saia mais ajustada (08), mais alguns looks com marrom meio alaranjado (09 e 10), também brincando com os babados. E por último entraram uma sequência de peças de plástico com peças por baixo que criavam um efeito bem interessante. O saldo do desfile traz muitos babados, brincadeiras inusitadas com transparências e os tons crus da primeira sequência.

======= :: =======

Eu meio que já tenho uma pré-disposição a gostar dos desfiles de sonho da Luella, eles são sempre divertidos e deliciosos de ver! A última coleção foi bem inspirado em bruxinhas e halloween, mas, para esta Luella trouxe cores, delicadeza e volumes fofos. Como a própria estilista disse, ela queria cores, uma personagem ladylike bem correta e cores até certo ponto enjoativas! Logo nessa primeira sequencia sentimos um pouquinho disso, com cores ultra-vibrantes. Adoro o casaqueto (01) e o trench roxo (02) tão detalhado que agente viajava só de olhar minusciosamente! e o vestido laranja usado por baixo?! Super lindo assim como o modelo usado por Raquel Zimmerman (03) e o mais curtinho e sexy cheio de babadinhos e detalhes estampados (05). Tem também a saia volumosa com cardigã molenguinho na mesma cor (04) e um dress rosa acinturadinho (06).

As cores começam a aparecer mais ainda, estampas como a listrada pink e cinza que aparece tanto em detalhes de babados do vestido azul-marinho (07) quanto em um casaqueto (09). Tem também outro curtinho sexy de babados (08) só que dessa vez em cinza sujinho e lilás. Os famosos florais libery de Luella marcam presença no vestidinho pink (10) e também na saia volumosa cheia de babadinhos e usada com blusa fofa lilás (11). Esse mesmo lilás do liiiindo dress de boneca com alça transparente com laço e florzinhas pra enfeitar (12).

A melhor parte do desfile pra mim se concentra na parte que usa referências clássicas de Chanel (e como eu amo moda clássica, elegante e fofa ao mesmo tempo….). As pérolas com o cinza sujinho dão um ar bem jovem, ainda mais qd um top assim se combina com uma mini-saia de babados de tule (13). Ou na peça cheia de babadinhos e volumes fofos (14) nas mangas, usado com super colares de pérola rosa, todos entrelaçados (idéia preciosa de styling!). Ainda tem o conjuntinho de jaquetinha jeans, com detalhe de mini babadinhos e blusinha listrada por dentro. E o tweed aparece com força no trench-coat (16) que traz fiação em ótima combinação de cores : Roxo, cinza e creme, peça pra desejar demais dessa coleção.E por último mais um vestido, dessa vez floral com a alça transparente e arrematada com uma flor no topo do ombro. Ah, além de todas essas peças lindas, tem também os sapatinhos que são coloridos e alguns brincam com um coração na frente, perceberam?!

======= :: =======

Assim como a Luella, eu tenho uma pré-disposição a gostar de tudo que o Chris Kane faz, e não é por falta de motivos. Ele se formou na Central Saint Martins, a escola de moda mais famosa do mundo. E mesmo sendo novinho conseguiu criar sua primeira coleção e com ela mesmo despontou. Eram dresses justinhos, coloridos e bem Hervé Léger, só que desde então Chris trabalhou com formas mais larguinhas e cartela de cores neutra em suas 3 outras coleções, até esta. Foi por isso que eu considerei esta coleção a melhor dele, depois da primeira. Tem gente que não gostou, mas, eu particulamente gostei e alguns críticos especializados também. Logo de ínicio essa cartela de cores gritante, combinadas a estampas de oncinha coloridas (01 e 02) e essa íncrivel modelagem de bolas em casacos (03), saias (04) e lindos vestidos (06).

Logo depois entram as cores neutras, com as melhores peças da coleção. Tem o bege (07) com um trabalho magnífico de sobreposição de tecidos transparentes e opacos. Também há preto (08) com uma das minhas peças preferidas que já se mescla ao cinza (09). O cinza entra por inteiro com as mesmas transparências no busto de outras coleções (10) e enfim, a minha peça preferida da coleção (tipo, pra comprar e usar imediatamente!), linda, linda e sútil (11).

Em uma suposta terceira parte, entram dois looks rosas (13) e com minha outra peça preferida (15) bem delicada combinada ao tom creme. E as plumas marcam o final entre as transparências e uma delicadeza imensa que não se via no ínicio da coleção (em nenhuma perspectiva) em branco (14) e rosinha (16) e até um laranja com plumas pretas. Alguns looks pretos fecham a coleção com os mesmos recortes redondos que foram onipresentes durante todo o show. Chris Kane hoje é uma das minhas principais referências de moda, talvez não no estilo, mas, no jeito de criar e fazer uma coleção. Sinto que mesmo que só acompanhando seu desfile e lendo algumas críticas já aprendo bastante. Parabéns Kane!

======= :: =======

Respondendo os coments: Enquanto a revisões de tendências dos desfiles, agente vai fazer isso depois que acabar tudo, ou seja, depois da semana de moda de Paris que termina no inicio de Outubro, porque até lá é uma correria só!! okks??!!

Anúncios

Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: